sexta-feira, 30 de dezembro de 2016

O que eu aprendi com 2016

Pode até parecer clichê, mas 2016 está no fim e não há como negar que você não aprendeu nada com ele. Na verdade, todos os anos que passaram você aprendeu novas coisas que, de certa forma ajudaram  você a crescer espiritalmente e fisicamente.

                          Resultado de imagem para 2016 tumblr



Mas então Malu, o que você aprendeu em 2016?

Eu aprendi que família sempre deve estar em primeiro lugar, (é bem clichê) mas amizades nunca duram para sempre, que os passeios mais legais não precisam ser para longe, podem ser apenas um café na sua cidade, as amizades que falam ser eternas acabam antes mesmo do final do ano e que aquelas que você não valorizava tanto sempre estarão ao seu lado. Eu aprendi que " a dor deve ser sentida", que por pior que ela seja, ela vai passar aliás, tudo na vida é ´passageiro. Eu vi que eu devia dar mais valor ao amigos que nunca me abondaram e esquecer aqueles que só estão comigo nos momentos de felicidade. Eu vi que a vida precisa ser vivida, que cada segundo merece uma risada diferente. Eu melhorei, e muito, alcancei muitas das minhas metas, aprendi com elas que posso crescer cada vez mais (as de 2017 já estão ai). Eu vi que se eu estudar antes eu passo, que se eu me esforçar alguém pode se espelhar em mim. Eu aumentei  minha fé, de um tamanho gigantesco, e acredito que agora estou firme pro que der e vier. Aprendi que choro é na verdade uma forma do seu corpo criar anticorpos (muito obrigada aulas de biologia), que literatura não é tão chata quanto parece, que o professor de historia pode ter muita logica em suas piadas. Eu fiquei cara a cara com o medo, senti o que é estar fria, sem Deus, mas senti o calor do seu amor para comigo. Eu ajudei amigos que antes nem queria por perto, eu me livrei de amigos que fazia de tudo para ter por perto. Eu aprendi com meus inúmeros defeitos  e descobri que tenho muitos outros, mas também vi minhas qualidade e coloquei-as em pratica. 

São inúmeras coisas que 2016 me ensinou, e acredito que se possível eu teria aprendido muito mais, porém acredito quem 2017 me reserva muitooooo mais, um ano lotado e intenso está por vir. 

O meu maior desejo para 2017 é consertar os erros que cometi e não tive tempo de arruma em 2016, é aprender cada vez mais e é claro me formar!

E como diria Raul Seixas: "Vem quente que eu estou fervendo".


Nenhum comentário:

Postar um comentário